Esmaltes que são a cara do outono



Estamos nos despedindo do outono, para dar adeus a essa estação que me encantou tanto eu trouxe aqui 3 esmaltes que combinaram muito com o outono e que irão continuar fazendo sucesso no inverno.

Essas cores já apareceram aqui no Blog e confesso que são minhas favoritas. Além delas serem lindas, eu vejo um casamento perfeito entre esses tons e o finalzinho do outono!

ESMALTES OUTONO


Para saber mais detalhes sobre a durabilidade, qualidade e preço dos esmaltes é só clicar em cima do nome de cada um! 

1) Aretha - Granado


Aretha - Granado


2) Drama - BeautyColor


Drama - BeautyColor


3) Fê mandou mensagem- Risqué


Fê mandou mensagem- Risqué




Me conta ai nos comentários, você também tem cores preferidas nas diferentes estações?
O que achou da minha seleção?


Beijos... 

Desapegar faz bem para a alma!




Você já tá sabendo que nesse mês estou trabalhando comigo mesma alguns conceitos que irão me permitir ser uma pessoa menos consumista e mais desapegada (sim, isso está na lista).

Na semana passada eu contei o que é consumo consciente para mim e disse que passei por grandes mudanças na minha vida.
Essas mudanças se refletem na forma como eu me visto e, como consequência, eu comprei muitas roupas e sapatos novos. 
Eu também precisei desapegar de coisas antigas e então eu descobri algo: é muito mais fácil adquirir algo novo do que desapegar de uma coisa que você não usa mais.

Não deveria ser segredo né? Mas, a gente só sente na pele quando se vê engolida por esse apego.
E prestenção! Esse apego não está só relacionado a bens materiais! Ele inclui ideias, conceitos, sentimentos e até pessoas.
Se você não consegue desapegar daquela blusinha que ganhou quando tinha 15 anos, quem dirá daquele sentimento de culpa por não ter tido um bom desempenho na prova!

Eu acredito que o que e como acumulamos coisas se reflete em como guiamos nossas vidas, como nos apegamos a determinados sentimentos.

Por isso, venho praticando desapegar e acho que já estou bem melhor! Já consegui doar muitas coisas, hoje empresto e não me importo com as páginas dos meus livros, já vendi algumas coisas, outras acabaram indo pro lixo (todo aquele tanto de papel que você guarda achando que vai usar um dia)... Mas, sei que ainda tenho muito o que aprender sobre esse tal desapego.

Falando sobre bens materiais, eventualmente eu tento me desapegar de certas coisas. Inclusive tenho uma lojinha no Enjoei onde posto tudo o que não uso (ou nunca usei) para venda.

Eu não sou a rainha do desapego, ainda tenho um looongo caminho pela frente. No entanto, o que eu consigo visualizar é que ter muitas coisas não significa estar satisfeito e com isso consigo aplicar alguns passos na minha vida. "Tá Thais, mas como eu começo a desapegar?". 

- Identifique no que você é mais apegada? São seus livros? Seus sapatos? Seus likes no instagram? 
-Identificou? Agora foque nisso e tente, aos poucos, substituir os valores: é mais importante deixar seu livro na estante ou emprestar pro seu amigo que tá precisando? 

- Empreste seus livros; dobre as pontinhas das páginas que você gosta; já pensou em sublinhar algum trecho legal?
- E aquele colar que você quase nunca usa, mas que sua amiga adora? Que tal dar pra ela? Vai fazer um bem danado.
- Sabe aquele batom rosa da sua coleção? Que você nunca usa porque acha que não combina com sua pele? Então, tem muitas meninas adolescentes em orfanatos que ficariam radiantes em receber itens além dos básicos (comida e roupa).
- Você não imagina sua vida sem maquiagem? Que tal sair sem ela um dia?
- E as redes sociais? Já pensou em passar um final de semana sem wifi? Impossível? Te desafio então a desligar por uma noite e não religar logo cedinho!



- Organize suas coisas. Separe-as por grupo e veja o quanto você tem do mesmo e o que você realmente precisa;
- Com isso faça uma lista do que você tem! Na minha lista ja passou de 40 blusinhas, por que um ser humano precisa de 40 blusinhas?
- E dessas coisas na sua lista, quantas você utilizou nos últimos 2 meses? 
- Não usa? Que tal vender. Você desapega e ainda faz uma graninha.
- E já pensou com essa grana você investir em você mesma? Aquela aula de francês que você tanto queria... A viagem que tá escondida lá no fundo da gaveta.



- Sabe o que é melhor do que vender? Doar! Faça alguém feliz, especialmente nesse inverno, aqueça um coração.
Várias cidades tem projetos de doações, especialmente nessa época do ano. Em Curitiba você pode conferir os pontos de coleta no site da prefeitura.



- Faça uma viagem sem luxo e na qual você não consiga levar muitas coisas. Passe uns dias só você, uns miojos, muita areia e uma barraca. No fim das contas você pode acabar percebendo que aquele creme de cabelo é muito importante, mas que todos aqueles brincos, que você costuma carregar em viagens, não fazem falta.




Mas principalmente, tente descobrir o que funciona pra você! Para me ajudar nesse processo eu estou com dois projetos:
- O primeiro diz respeito a deixar meu cabelo bem longo! Cultivar, amar, passar creminho! E então cortar! Bem curtinho! Acho que o fato de você amar e cuidar tanto de uma coisa/pessoa e depois saber a hora de deixar isso ir é essencial para a nossa saúde mental e pode nós dar uma compreensão de mundo bem diferente do que estamos habituados;
- O segundo é esse tal projeto surpresa que irá acontecer no mês de Julho. Eu espero que até o final eu consiga desapegar de tudo o que está nos meus armários que eu não uso ou que não tenho a pretensão de usar.  

Desapegar faz bem pra alma! Desapego não significa que não devemos ter certas coisas; desapego significa que devemos nos libertar das amarras que nos fazem acreditar que sem aquilo jamais poderíamos ser felizes!

Espero que esteja gostando dos posts.
Contribua, deixe seu comentário sobre o assunto. Você é boa em praticar o desapego?
Tem alguma dica de como consegue fazer isso?

Beijos...

Resenha Cresce Fios - GHair



Coisas que você já deve saber:
) Estou cuidando do meu cabelo para que ele cresça rápido e saudável;
) A  G. Hair está me ajudando nessa missão;


A marca já é parceira aqui do blog e eu já contei para vocês o que eu achei da Máscara Capilar com Whey ProteinA G. Hair foi, a princípio, uma marca de progressivas e hoje vem crescendo no mercado, trazendo novidades sempre. Você encontra produtos para cabelos cacheados, linha detox e, é claro, os queridinhos Cresce Fios.

ghair cresce fios


 O que o produto promete?
A linha Cresce Fios da G.Hair foi desenvolvida para auxiliar o crescimento saudável dos cabelos e auxiliar o combate a queda dos fios. Além de dar a eles muito mais saúde, brilho, maciez e flexibilidade. O tratamento da linha é indicado para todos os tipos de cabelo.

 Minha opinião:
Eu recebi o kit com o Shampoo e a Máscara.
Minhas primeiras impressões foram positivas: a embalagem é funcional e atrativa e o cheiro é muito bom. 

O Shampoo vem em uma embalagem de 250ml, com um sistema de fechar/abrir diferente e prático (você precisa girar). Ele é transparente e fluido. 
Na primeira lavagem ele não faz muita espuma e deixa o cabelo um pouco duro, na segunda você já começa a perceber a limpeza das madeixas.
Além de fortalecer e evitar a quebra, ele diz controlar a oleosidade, mas meu cabelo está tãaaaao oleoso, desde que parei com a pílula, que não vi grandes mudanças nesse quesito (muito provavelmente porque meu corpo ainda está se habituando e passando por mudanças). 

A Máscara, que vem em um potinho com 250g, é branca e super cremosa. Ela aparenta ser "pesada", mas isso não permanece nos fios após a aplicação.


ghair cresce fios

Os dois  produtos contém Biotina (biotina é uma vitamina do complexo B, também é conhecida como vitamina B7. Ela pode ser obtida por meio da alimentação e irá atuar na pele unhas e cabelo, no entanto não há evidências de que ela seja absorvida pela pele) e Panthenol (panthenol é precursor da vitamina B5, uma vitamina fundamental na manutenção da saúde e vitalidade da pele e dos cabelos. Ele vem sendo utilizado na composição de fórmulas de produtos dermocosméticos como hidratante e umectante e, nos fios, atua selando e lubrificando, deixando-os com aparência brilhante). Essa combinação promete auxiliar o crescimento dos fios e evitar a queda.

Para aplicar é bem tranquilo. Lava o cabelo, aplica a máscara, deixa agir por 10 minutos. É recomendado o uso intercalado, ou seja, lava uma vez com esse shampoo e outra com o seu shampoo tradicional. 


Os produtos não são testados em animais e são indicados para TODOS os tipos de cabelo. Danificados, ressecados quimicamente tratados, fragilizados. TODOS OS TIPOS! E o RUIVO?
Uma das minhas preocupações quando não uso produto para cabelos tingidos é desbotar meu laranjinha. O que não aconteceu! Rapozinhas de plantão, podem usar sem medo.

Você se lembra que eu usei um shampoo bomba que destruiu meu cabelo? Pois bem, no dia 29 de abril eu colori e cortei as pontas danificadas. A partir desse momento comecei a usar o kit da G. Hair. 
Ou seja, estou usando há pouco mais de mês e não intercalei (usei direto). Lavo meu cabelo em média a cada dois dias e apliquei a máscara umas 5 vezes nesse período. Não utilizei nenhum outro produto com essa finalidade, apenas finalizei com os produtos de sempre (leave in).

Ainda tem shampoo no vidro, ou seja, ele rende muito bem!


ghair cresce fios

ghair cresce fios

Ele cresceu, mas não foi um crescimento absurdo. Agora, prestenção nesse detalhe: ele cresceu forte e nutrido.
Ele ainda está se recuperando e já da pra perceber que ele está encorpando (os fios não estão mais tão ralos quanto da ultima vez que precisei cortar). 

 Preço e onde encontrar?
Eu recebi esse produto para experimentar, mas ele pode ser encontrado na loja virtual da marca aqui. Esse kit custa R$49,90.

 Avaliação geral:
As notas variam de 1 (ruim)  a 3 (muito bom).
·     
  • Eficiência: 2
  • Cheiro: 3
  • Aspecto: 3
  • Embalagem: 3
  • Preço: 3
  • Rendimento: 3
  • Custo/benefício: 3


Fiquei  satisfeita com esse kit e o custo/beneficio é bom. O seu cabelo não vai crescer 3 metros em um mês e acredito que nem é esse o objetivo da marca, mas vai crescer bem cuidado.

E acho que é essa a moral da história: para alcançar o seu objetivo é preciso paciência, cuidados com o cabelo e bons produtos.
Se seu cabelo estiver nutrido, hidratado e bem cuidado, com certeza ele irá crescer!
A primeira fotinho ai embaixo foi em março de 2016, o mais curto que cheguei. Não tem foto da parte de trás, mas ele estava bem "batidinho" na nuca. 
A segunda foto foi em Maio de 2017, ele cresceu mais de dois palmos. Nesse tempo eu cortei as pontas, cuidei, nutri, utilizei produtos que danificaram me cabelo e, agora, sigo tentando reconstruí-lo.
Projeto Rapunzel

Me conta, você percebeu a diferença? Achou que foi significativo? Contribua com o post, deixe um comentário.
Não se esqueça de dar uma passadinha no facebook instagram da G. Hair. Sempre tem novidades por lá.
Se gostou da dica, siga nosso instagram.

Beijos...

Maxi Casaco: 1 peça - 4 looks



Essa ideia de reutilizar peças, explorar a criatividade e compor diferentes looks tem muita relação com a construção de ideais de consumo consciente, além de ajudar naquela clássica "Não tenho roupa para sair". 

Repaginar e recombinar peças é o que há! E sim, nós vamos repetir os modelitos, porque não somos obrigadas. 
Com um pouquinho de imaginação podemos ir longe. Eu já mostrei como usar um vestido em 4 looks diferentes e hoje tem uma peça queridinha do inverno: maxi casaco de lã. 

A minha peça escolhida foi esse casaco que eu comprei na Billie Brothers e paguei R$80,00. 
Eu vi ele na vitrine, entrei, provei, amei, RESPIREI e voltei para casa.
Após sete dias pensando sobre comprar ou não e sobre com  o que iria usar o tal casaco, voltei até a loja e trouxe o danadinho para casa.
O fato de você pensar antes de efetuar uma compra e imaginar as futuras combinações pode te salvar de várias enrascadas e te fazer economizar um dimdim. Afinal, quem nunca comprou algo por impulso?

Pois bem, desde que comprei essa peça, passei a combinar com tuuuuuudo e mais um pouco. Hoje eu trouxe essas quatro composições que amei.


casaco verde militar
O casaco é de uma das cores do ano, verde militar, que também está em alta nesse inverno e que combina com muitas outras cores (especialmente o preto, cinza e o branco). Além disso, ele tem uma pegada mais largada, com um toque despojado e muito conforto e por isso se encaixa muito naquele estilo Boho Chic que eu amo!


 Primeira combinação: é a clássica meia calça e botinha
Eu usei:
• Saia Lápis de Lã-  comprei em um bazar beneficente. Paguei R$2,00. Economia, sustentabilidade e caridade!
• Meia calça - Marisa  R$15,00
• Bota - Eu ganhei há uns 6 anos, muito antes das botas acima do joelho estourarem. Ela é da Arezzo  e deve ter sido comprada em alguma promoção por ai.
• Cropped - Ana Banana R$40,00

Segunda combinação: inclui aquele vestido coringa e um lenço.  No pé aquele meu coturno que me acompanha há anoooos.

Terceira combinação: não podia deixar de combinar com peças de couro, que também são amadíssimas nessa estação.
• Calça de Courino-  Squalle R$70,00
• Blusinha - Sul Center  R$15,00
• Bota, a mesma do primeio look.

Quarta combinação: pra fechar, um look "vou ali e já volto", com uma calça jeans confortável e uma alpargata.
• Calça -  Lojas Renner R$60,00
• Alpargata - Opposite  R$60,00

É claro que essas 4 combinações acabam sendo parecidas, pois seguem o meus estilo.
Agora me diz ai, o que você combinaria com esse casaco? Salto? Cores mais vivas? Tênis?

E sobre as minhas combinações? Gostou?

Acompanhe o instagram, sempre tem novidades por lá!
Beijos...


Precisamos falar sobre consumo consciente



Vira e mexe, quando mostro algumas roupas que uso no dia a dia,  a palavra “consumo consciente” aparece por aqui. Mas afinal, o que é consumo consciente para mim?

Eu não me sinto segura e ainda estou aprendendo sobre a perspectiva da produção, do mercado, das pessoas por trás de uma peça de roupa. Por isso, hoje eu trago um pouquinho sobre a minha perspectiva desse tema. Eu como consumidora, ignorante sobre aspectos que movem a indústria da moda.
E, uma das minhas grandes inspirações para tratar desse tema é a Carla Lemos, idealizadora do Modices, vale a pena conhecer. Os posts produzidos lá me deram esse start aqui <3

Nos últimos dois anos a minha vida mudou drasticamente. Isso incluiu a minha relação comigo mesma e com o meu estilo. Eu passei a me aceitar mais, a me permitir mais e a tentar mostrar para o mundo a verdadeira Thais.
Com essas mudanças, o armário também mudou. Afinal, eu tento deixar bem claro o que eu gosto e o que me faz bem quando me visto.
Por isso, eu precisei desapegar de coisas que não me representavam e precisei adquirir novos itens que combinassem com esse novo eu.

CONSUMO CONSCIENTE
No entanto, o consumismo exagerado sempre me incomodou e é difícil pesar a balança quando tocamos nesse assunto. Foi então que eu comecei a ler sobre o assunto e passei a verbalizar essas palavras: “Não preciso disso, sou uma consumidora consciente!”.
Só que o desconforto gerado por essa frase é grande. Tanto meu, quanto das outras pessoas: “Ué, comprou uma bota nova? E essa história de consumo consciente?”.
Por isso, precisamos falar sobre consumo consciente!

Hoje eu vou contar um pouquinho sobre o que é consumo consciente para mim e nas próximas semanas conversamos sobre como eu aplico ele na minha vida!

Consumo consciente para mim é:

- É pensar em se, como e com o que eu vou usar esse novo item. Isso já até gerou posts do tipo 1 peça vários looks.  
- É refletir sobre um novo salto divo, que vai ficar no armário pra sempre, ou uma sapatilha mais simples, que vai sair comigo todo dia. Ou seja, esse novo item combina com as minhas necessidades e com a minha rotina?
- É avaliar se eu já não tenho nada parecido com o que pretendo comprar;
- É identificar se é necessidade, ansiedade ou impulsividade que me levaram a querer comprar;
- É avaliar se esse item me representa, ajuda a construir a minha identidade.
- Principalmente, não é deixar de consumir e sim consumir com consciência;

Com base nisso eu tento controlar minhas atitudes. Com base nisso eu tento refletir sobre o meu consumo! E não, não é fácil!

Vou tentar trazer um pouco mais sobre a minha inserção no consumo consciente. Serão 4 posts nesse mês e em Julho trarei um desafio que promete abalar meus conceitos.
Fique de olho, vamos falar sobre reutilizar peças, comprar em brechós, desapegar, otimizar looks...

Me conta ai nos comentários: você pensa sobre consumir com consciência? O que faz para conseguir isso?

Além do Modices, vou deixar aqui uns links úteis, caso você queira saber um pouco mais sobre esse tema:

Beijos...